Final de ano do Flamengo é marcado por problemas dentro e fora de campo

O fim da temporada 2017 não está nada fácil para o Flamengo. A campanha ruim no Brasileirão, o futebol não convincente e a perda de jogadores importantes marcam a reta final de ano do clube, que espera que o título da Sul-Americana apague os problemas vividos e a insatisfação da torcida.

Dentre os problemas, está o desempenho ruim no Brasileirão junto ao mau futebol. Com elenco cara, o Flamengo é apenas o sétimo colocado, estando na última vaga que classifica para a pré-Libertadores e seguido de perto pelo Vasco, que está dois pontos atrás.

Para piorar, a torcida não vê um sinal de que a vaga na competição continental vai vir pelo Brasileirão, já que a equipe não demonstra bom futebol para se classificar e os próximos jogos são contra adversários diretos.
Fora de campo, o Flamengo pode pagar pagando caro pela ausência de Guerrero, que não é culpa do clube. O atacante está suspenso preventivamente por 30 dias após testar positivo em exame antidoping e não deve mais jogar no ano. Além dele, o lesionado Berrío é outra ausência que pode fazer falta.
A esperança rubro-negra na temporada fica por conta do título da Sul-Americana. Caso seja campeão, o Flamengo ergue uma taça internacional após 19 anos, consegue vaga direta para a fase de grupos da Libertadores e minimiza o ano ruim.
A situação do fim do ano é complicada. Resta aos rubro-negros torcerem pelo bom fim da temporada e o ano, que seria mágico, se tornar pelo menos o da superação.
Fonte: Coluna do Flamengo
Marcadores:

Postar um comentário

[facebook]

MKRdezign

{facebook#https://www.facebook.com/oficialsouflamengo} {twitter#https://www.twitter.com/SiteFlaHoje} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/+FlamengoHoje} {youtube#https://www.youtube.com/create_channel}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget