Viralização de vídeo de Lucas Paquetá deixa Fla de Rueda mais aguerrido



Os números mostram: no Brasileirão, o Flamengo da era Reinaldo Rueda é, por enquanto, superior ao da era Zé Ricardo. O aproveitamento com o colombiano é de 56,6%, contra 50,9% do comandante anterior. Mas há quem não veja no avanço percentual sinônimo de evolução técnica. Para o repórter Carlos Gil, da TV Globo, houve uma melhora apenas no empenho, percebida por ele no último Fla-Flu, pela Sul-Americana, na vitória rubro-negra por 1 a 0.
O jornalista, presente ao "Redação SporTV" desta sexta, atribuiu essa melhora à viralização do vídeo nas redes sociais em que o jovem atacante Lucas Paquetá aparecia correndo sozinho para marcar os defensores do São Paulo na saída de bola, na derrota por 2 a 0, no último domingo, pelo Brasileirão. A repercussão foi grande. Apesar de ter dito que não faltou empenho ao time, o meia-atacante Éverton Ribeiro, em entrevista, admitiu que houve uma conversa entre os jogadores para mudança de postura dentro de campo.

- O número mostra que melhorou no Brasileiro, mas em relação ao estilo de jogo, ao que o Flamengo apresenta, não consigo ver essa evolução, se é que há. Nessa última partida, pela Sul-Americana, o Flamengo fez algo que não vinha fazendo há muito tempo. Um estilo de jogo mais brigado, mais voluntarioso. Muito carrinho, muita vontade. Isso tem muito a ver com a tal viralização do vídeo do Lucas Paquetá correndo sozinho. O fato é que a torcida do Flamengo estava cobrando muito esse empenho, essa vontade. Aliás, isso é algo no Brasil que é recorrente. Cobra-se mais em vontade e empenho do que propriamente técnica. Mas quem acompanha muito os jogos do Flamengo, e pelo fato de trabalhar na imprensa carioca eu acompanho muito os jogos dos times cariocas, eu senti um Flamengo mais aguerrido contra o Fluminense - disse Carlos Gil.

O repórter da TV Globo, mesmo reconhecendo um avanço do Flamengo nos números do Brasileirão, não os viu traduzidos para o rendimento dentro de campo.

- Evolução técnica, tática, não vejo evolução acentuada não. A predileção por um jogador ou outro, o Berrío virou titular absoluto com o Rueda, agora não m,ais porque ele se machucou. Com o Zé não era... O Zé Ricardo sai exatamente no fim do primeiro turno. Ele sai do Flamengo na derrota para o Vitória, que foi a última partida do turno. Então ele fez exatamente um turno inteiro, e agora o Rueda vai completar também um turno inteiro. Então vai dar para ter uma medida aí.

Neste sábado, o Flamengo de Reinaldo Rueda volta a campo neste Brasileirão, pela 31ª rodada, para enfrentar justamente o Vasco de Zé Ricardo, às 19h, no Maracanã.
Fonte: SporTV/GE

Após divulgação de imagem com jovem atacante do Fla correndo sozinho para marcar, Carlos Gil vê mais empenho do time contra Flu, mas sem evolução técnica e tática.

Marcadores:

Postar um comentário

[facebook]

MKRdezign

{facebook#https://www.facebook.com/oficialsouflamengo} {twitter#https://www.twitter.com/SiteFlaHoje} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/+FlamengoHoje} {youtube#https://www.youtube.com/create_channel}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget