Flamengo: Baixo aproveitamento de Vinícius Jr gera controvérsia

Vinicius Júnior, jogador do Flamengo - Foto: Buda Mendes/Getty Images
EXTRA GLOBO: Em quase seis meses, Vinícius Júnior disputou 26 partidas com a camisa do Flamengo, nove sob o comando de Reinaldo Rueda. Destas nove, em apenas duas foi titular, contra o Paraná, pela Primeira Liga, e diante do Atlético-GO, no Brasileiro, ambas ocasiões em que o treinador decidiu poupar jogadores, especialmente Everton, que também ficou fora do jogo com a Ponte Preta na última segunda-feira.

Desta vez, porém, o treinador colombiano não optou por Vinícius Júnior. O que também não fez na final da Copa do Brasil, diante do Cruzeiro, no Mineirão, quando colocou Rodinei improvisado no ataque para tentar a vitória. O jovem de 17 anos tem ficado no fim da fila mesmo depois de o clube não o liberar para disputar o mundial da categoria com a seleção brasileira. Foi assim também diante do Avaí, pelo Brasileiro, com time misto.

O baixo aproveitamento tem gerado controvérsia entre torcedores, dentro do clube e no entorno do jogador. O garoto se mantém tranquilo no aguardo de oportunidades, mas há quem acredite que pela qualidade que já demonstrou poderia ser mais utilizado e que basta uma sequência para provar isso. Na diretoria, a ideia é fazer a transição dentro do futebol profissional com cautela. O técnico Reinaldo Rueda, que faz a opção por não usá-lo , sequer se explicou:

- Há um trabalho. Se começamos a dar justificativas para cada decisão que eu tomo, vamos ficar aqui a noite toda. É o trabalho que fazemos de conhecimento dos jogadores e buscamos o melhor momento de cada um para entrar. Creio que sobre a situação não há nada que dizer - afirmou após a derrota para a Ponte Preta. Na diretoria, ninguém respondeu sobre o tema.

O jovem aterrizou com Zé Ricardo na equipe de cima no meio deste ano, mas só foi titular três vezes com o ex-treinador. A saída para o Real Madrid, para onde está vendido, é prevista a partir de junho de 2018, mas é possível que Vinícius fique mais uma temporada na Gávea. Até lá, o tempo é suficiente para evoluir e brilhar como na sua categoria.

O ambiente de pressão no clube é fator apontado para sua pouca aparição. O outro é a aposta em um elenco caro e de jogadores de renome. Mesmo assim, até Gabriel, que vinha esquecido, retomou a frente na fila das vagas pela ponta do campo. Geuvânio, que chegou emprestado e com salário alto, também teve prioridade contra a Ponte Preta. E Berrío, de altos e baixos, toma conta do lado direito por enquanto, com Everton, quando não se machuca, dono da posição na esquerda.

O técnico Reinaldo Rueda, que faz a opção por não usá-lo , sequer se explicou.

Marcadores:

Postar um comentário

[facebook]

MKRdezign

{facebook#https://www.facebook.com/oficialsouflamengo} {twitter#https://www.twitter.com/SiteFlaHoje} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/+FlamengoHoje} {youtube#https://www.youtube.com/create_channel}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget