Fla goleia o Bahia ‘em 10 minutos’ e sobe na tabela

Com o objetivo de se recolocar na briga pelo G4, o Flamengo entrou em campo como grande favorito para enfrentar o Bahia, que ainda se vê ameaçado pela zona da degola, apesar dos bons resultados recentes no campeonato.

Diferente do que se esperava, o tricolor iniciou a partida com postura ofensiva, enquanto o Fla – claramente nervoso -, não demonstrava organização para ameaçar o adversário.
Um fator negativo – percebido ainda do início da temporada – voltou a ficar claro na primeira etapa do duelo: o fraco preparo psicológico da equipe rubro-negra.
Ao ver-se pressionado pelo Bahia, o time da casa cometeu muitas faltas e a arbitragem não perdoou, dando três cartões amarelos para o Fla: Diego, Arão e Guerrero foram os penalizados.
Outro destaque negativo do 1º tempo ficou por conta do árbitro Além dos cartões, o trio comandado por Marcelo Aparecido de Souza, que chegou a irritar as duas equipes, demonstrando permissividade em alguns lances e rigidez em outros.
Com apenas uma chance clara de gol, em chute longo feito por Diego, o futebol apresentado pelo Mais Querido foi abaixo do esperado quando o término da etapa inicial foi assinalado.
Na volta para o 2º tempo, Rueda sacou Berrío e deu lugar a Everton Ribeiro, tentando resolver a dificuldade da equipe para criar jogadas no ataque.
Logo aos 5 minutos o capitão Réver aproveitou bem a oportunidade que teve na pequena área e não deu chance para o goleiro Jean. Everton cruzou, Guerrero raspou de cabeça e o defensor completou pra rede, abrindo o placar.
Saindo na frente, o rubro-negro dava indícios de que passaria a dominar a partida e administrar o marcador, porém, a equipe continuou sem eficácia nos tentos ofensivos.
Em lance rápido, Allione entortou a zaga do Fla e passou para Hernane, que sofreu pênalti em chegada atrasada de Juan. Na cobrança, Mendonza deslocou Diego Alves e empatou o confronto.
Pouco tempo depois, Réver voltou a colocar o Flamengo na frente em bela cabeçada, após escanteio cobrado por Everton, dando alívio à equipe.
O Bahia não se entregou, partindo para o ataque, mas em belo lance de Diego, o Mais Querido teve oportunidade de matar o jogo, e não desperdiçou. O camisa 35 armou um bom contra ataque e acionou Everton Ribeiro, que deu belo passe de cavadinha para Lucas Paquetá, que acabou sofrendo pênalti.
Para tirar a desconfiança, Diego foi para a cobrança e ampliou para o Mengão, em cobrança firme, rasteira. O meia ‘empolgou’, e dois minutos depois voltou às redes.
Everton fez boa jogada pela ala esquerda e acionou o maestro dentro da área, que deu um belo giro pra cima da marcação e fuzilou para o fundo das redes. Em 10 minutos o Fla saiu de 1×1 para 4×1.
Com a goleada no placar e torcida em festa, o Fla garantiu os três pontos e assumiu a 6ª colocação na tabela, com apenas 1 ponto a menos que o Cruzeiro.
Fonte: Coluna do Flamengo

Com o objetivo de se recolocar na briga pelo G4, o Flamengo entrou em campo como grande favorito para enfrentar o Bahia.

Postar um comentário

[facebook]

MKRdezign

{facebook#https://www.facebook.com/oficialsouflamengo} {twitter#https://www.twitter.com/SiteFlaHoje} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/+FlamengoHoje} {youtube#https://www.youtube.com/create_channel}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget