Mano se diz feliz de reencontrar o Flamengo bem estruturado

Foto Diogo Dantas
EXTRA GLOBO: Antes de participar do sorteio que definiu que Cruzeiro e Flamengo decidem a Copa do Brasil no Mineirão, o técnico Mano Menezes brincou na CBF, dizendo que voltaria ao Maracanã para recuperar o título que poderia ter conquistado em 2013, quando abandonou o clube nas quartas de final do torneio.

Nos microfones, porém, Mano foi político. Elogiou a gestão que o trouxe na ocasião e, quatro anos depois, conseguiu sanear e fortalecer o clube.

— Vejo com bons olhos. O objetivo das novas gestões é recuperar a saúde dos grandes clubes, entre eles o Flamengo. Esse é o caminho, todos tem que trabalhar nessa direção. Fico feliz em enfrentar o Flamengo em uma situação diferente — disse o treinador, que confraternizou bastante com Reinaldo Rueda, mas não conversou com o presidente Eduardo Bandeira de Mello.

Questionado se se consideraria parte do título da Copa do Brasil de 2013, negou:

— Não, a trajetória é até onde a gente está. Os méritos são de quem conquista.

Jayme de Almeida assumiu após a derrota para o Atlético-PR nas quartas de final e levou o Flamengo ao título. Mano alegou que não conseguia mais passar aos jogadores o que gostaria e deixou o cargo. Até hoje, a atitude foi tratada na Gávea como uma covardia. Mano alegou posteriormente que o elenco já tinha sinais de mau comportamento, e que na diretoria alguns vice-presidentes queriam interferir no trabalho do treinador.

Questionado se se consideraria parte do título da Copa do Brasil de 2013, negou.

Marcadores:

Postar um comentário

[facebook]

MKRdezign

{facebook#https://www.facebook.com/oficialsouflamengo} {twitter#https://www.twitter.com/SiteFlaHoje} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/+FlamengoHoje} {youtube#https://www.youtube.com/create_channel}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget