Marcos Marinho ironiza o Santos e cobra provas: "Pago pra ver"

Ricardo Oliveira, Diego e Guerrero em Santos x Flamengo - Foto: Ivan Storti/Santos FC
UOL: O presidente da comissão de arbitragem da CBF, Marcos Marinho, disse que não houve interferência externa junto aos árbitros em lance polêmico do jogo Santos e Flamengo, nesta quarta (26), na Vila Belmiro.

Ele cobrou provas do Santos, que enviou ofício à CBF pedindo a anulação da partida acusando o repórter da TV Globo Eric Faria de ter “provocado” o quarto árbitro, Flávio Rodrigues de Souza — pedido que não deve ter sucesso.

Foi Souza quem avisou ao juiz principal, Leandro Vuaden, de que não havia sido pênalti de Réver no santista Bruno Henrique – Vuaden, a princípio, anotou a penalidade. Por meio de redes sociais Eric Faria negou que tenha dito algo a Souza.

“Se me mostrarem alguém cochichando no ouvido do árbitro, vamos lá investigar. Mas eu pago para ver. Tem um monte de gente tirando fotos, filmando, todo mundo vendo, o campo do Santos é apertado, a área técnica fica ao lado do quarto árbitro. O primeiro a ver se tivesse tido interferência seria o próprio Levir Culpi [técnico do Santos]. Não houve interferência”, disse Marcos Marinho ao blog.

Ele afirmou que todos os cuidados são tomados para evitar a interferência externa. 

“Os delegados das partidas foram proibidos de levar celular para campo. A decisão do Vuaden, com base no que o Flávio falou, foi rápida, nem haveria tempo para consulta de câmera, de imagem. Me provem que houve interferência, que afastamos do futebol na hora”.

Marinho contou o relato dos árbitros: “No momento que marcou o pênalti, o Vuaden não teve certeza e pediu ao Flávio qual havia sido sua impressão no lance. O Flávio disse que houve um toque na bola antes do contato com o atleta. O Vuaden estava indeciso, sem certeza do lance, ele foi marcar já meio assim, será que foi, será que não foi, e ouviu o quarto árbitro. Depois da consulta quem tomou a decisão foi o Vuaden, e pronto”, disse o chefe da arbitragem brasileira.

Pela postura da arbitragem na partida, disse Marinho, não há risco de punição. “Até porque acertaram no lance”.

Ele afirmou que todos os cuidados são tomados para evitar a interferência externa.

Marcadores:

Postar um comentário

[facebook]

MKRdezign

{facebook#https://www.facebook.com/oficialsouflamengo} {twitter#https://www.twitter.com/SiteFlaHoje} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/+FlamengoHoje} {youtube#https://www.youtube.com/create_channel}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget