Faltou atitude ao Flamengo.

Foto: Staff Image / Flamengo
BOTECO DO FLA: E então aconteceu. De novo. Mais uma vez o Flamengo participa da Libertadores... Só por participar mesmo.

Caprichos do futebol somados à falta de Atitude. Não conseguimos ganhar um único ponto fora de casa, mesmo jogando melhor que o adversário nos dois primeiros confrontos. Em Libertadores é fatal. Se não ganhamos jogando melhor, fazendo péssima apresentação como a de ontem na segunda etapa é que a classificação não viria mesmo.

E só precisava jogar futebol. Fizemos um primeiro tempo aceitável (de forma alguma brilhante) que deveria ser repetido durante todo o jogo. Daí acontece a pior das opções. Um Plano Infalível do Cebolinha pra Mônica nenhuma botar defeito. Sei lá se foi instrução do Zé, se foi o inconsciente coletivo dos jogadores em campo, sei lá. Mas... “E que tal se a gente parar de atacar e ficar esperando o jogo acabar? Estamos ganhando e até o empate nos favorece. Bora tentar?”.

Já não seria atitude sensata nem contra a nanicada do Carioqueta. Além de pouco nobre, vai contra o que se espera de um Clube Gigante como o Flamengo. Fazer isso, jogando na Argentina, em Libertadores, contra time que precisa correr atrás do resultado... Não podia mesmo acabar bem.

Tirando os oportunistas de plantão da Fla-Anti-Fla, que sei lá porque conseguiram criar um prazer perverso de tripudiar de acontecimentos infelizes do seu próprio time, há que se dar um desconto MESMO para as manifestações de revolta da torcida. É só um processo necessário para curar a ferida recente. Ainda que alguns exageros vistos, coisas do tipo “Tem que mandar TODO MUNDO embora”; “Eu não sei o que vou fazer da minha vida” (???!!!); “É torcer pra não ser rebaixado no Brasileirão”, e alguns tantos outros não devam ser levados em consideração.

Sobre o elenco... O grande problema é que o futebol não é uma ciência exata. Não estou tentando colocar panos quentes (Tudo bem... Estou sim), mas como antever, só pra dar um exemplo, que um jogador Campeão da Libertadores no ano anterior vai render infinitamente menos que um lateral que a gente trouxe da Ponte Preta ou outro que a veio de um time obscuro do futebol peruano? Ou seja, também não dá pra tomar como verdade absoluta a ideia de que a diretoria SÓ faz besteira com o caminhão de dinheiro que tem a competência de conseguir fazer, mesmo com toda a crise no país.

Sobre o Zé Ricardo... Errou sim. O locutor da Globo comentou assim que a bola rolou algo do tipo “Hoje temos ali o Gabriel pra tentar fazer a função que seria do Diego”. Só daí já dá pra ver que algo não estava certo. Hmmm... Arriscar um garoto cru, que ainda não se decidiu se é Matheus ou Sávio, em jogo escamado de Libertadores? Talvez não tenha sido também assim um baita de um plano.

Do lado de cá, com todas as 7658 escalações e atitudes corretas que nós torcedores julgamos cada um saber a ideal, sejamos comedidos também. Depois que o resultado não vem é fácil. Agora... Sem querer ser chato... Pelo que entendi nas redes sociais nos últimos dias, só também pra dar um exemplo, a gente não arrancou os três pontos contra o Galo porque o EDERSON ENTROU, e também não teve sucesso na noite dessa quarta porque o EDERSON NÃO ENTROU.

Apesar do Carioqueta, a diretoria vai continuar carregando o fardo nos ombros. Ímpar, inesquecível e fundamental para equilibrar as finanças e construir um futuro melhor para o Flamengo, e ainda assim coletando insucesso atrás de insucesso naquela parte básica para que todos os outros aspectos melhorem junto: O Futebol.

De qualquer forma... Que a torcida expurgue a dor à vontade. Que grite, critique e se mostre inconformada. Faz parte do processo da cura. Mas nem adianta parte do povo começar com os patéticos “Não vejo mais jogo esse ano”; “Não me importo mais com esse time”; “Não vou perder mais tempo e dinheiro com o Flamengo”. Isso, AINDA BEM, é tão verdadeiro como uma nota de 3 reais, um título de Campeão Brasileiro do Sport na Série A ou uma promessa do Eurico.

E sábado? O que vocês acham desse jogo? Tem que descontar (ainda que sem o mesmo peso) o “tropeço” contra o Galo. Será que o Diego já vai poder jogar? Será que é prudente, ou melhor esperar mais? E Rodi? Já tá merecendo uma vaga nesse ataque? Com quem o povo que venceu na primeira rodada joga? Traduzindo. Seeeeeeeegueeeeeee o jogo.

ATITUDE É OBRIGAÇÃO!!!

Isso aqui é Flamengo.

PETISCOS

. SENSAÇÃO ESTRANHA. Deve ser só impressão, mas logo após o primeiro gol dos caras a câmera focou o semblante do Vaz, e eu pude jurar ver sinais da tragédia no olhar acuado.

. SUL-AMERICANA. Não gostei da “classificação” para a competição é óbvio. E... É implicância minha ou mais alguém acha que esse treco parece uma espécie de Série B da Libertadores?

. MATHEUS X MATHEUS. Essa nem precisa comentar, né? Todo mundo lembrou da Copa do Brasil no Mineirão.

. MALANDRINHO. Fomos eliminados por culpa exclusivamente nossa e a vaga já deveria estar garantida por antecipação... Mas estou achando que o Papa não vê TV, porém descolou um wifi arrumado do Vaticano e acompanhou pelo celular. Só pode.

. O QUE SERÁ QUE SERÁ? Parece que o site do ST caiu após o jogo. Excesso de gente querendo cancelar (atitude errada)... Ou foi de propósito pra evitar que isso acontecesse? Nunca saberemos.

Colem nas redes, Urubus, UruBoas e Antis
Facebook: Mercio Querido
Twitter: @sorinmercio
YouTube: Canal Boteco do Flamengo
Cartola: Liga Boteco do Flamengo

De qualquer forma... Que a torcida expurgue a dor à vontade. Que grite, critique e se mostre inconformada.

Marcadores:

Postar um comentário

[facebook]

MKRdezign

{facebook#https://www.facebook.com/oficialsouflamengo} {twitter#https://www.twitter.com/SiteFlaHoje} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/+FlamengoHoje} {youtube#https://www.youtube.com/create_channel}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget