Seleção Brasileira pode voltar ao Maracanã em março.

Neymar comemorando gol pela Seçeão no estilo Usain Bolt - Foto: Danilo Borges /Brasil2016
UOL: Fechada a participação em 2016, a seleção brasileira já começa a olhar para a próxima temporada. Enquanto Tite estuda os próximos adversários, o coordenador Edu Gaspar e a diretoria da CBF planejam os próximos destinos da equipe nas Eliminatórias e em amistosos nas datas Fifa – junho e novembro – de 2017.

Após o jogo contra o Uruguai em Montevidéu, o primeiro compromisso em casa será no final de março, diante do Paraguai. E a Confederação cogita levar esta partida para o Maracanã. Inicialmente, a seleção voltaria ao Rio de Janeiro em um dos confrontos finais das Eliminatórias, mas este retorno pode ser antecipado.

O martelo será batido nas próximas semanas. A negociação, no entanto, não se desenha tão simples, especialmente por conta do imbróglio envolvendo o futuro do estádio carioca. A Odebrecht finaliza os últimos detalhes para devolver a gestão ao Governo do Rio, que por sua vez estuda o que fazer com o Maracanã.

Pelas Eliminatórias, a seleção ainda jogará em São Paulo e em mais uma cidade: a favorita Brasília e Porto Alegre disputam a última vaga restante para 2017.

A tendência é que o encerramento da participação brasileira na qualificação para a Copa do Mundo 2018 seja em São Paulo, contra o Chile, em outubro. As outras três capitais brigam para receber o duelo do fim de agosto, contra o Equador. Caso o Maracanã não seja viabilizado para março, tal ordem poderia sofrer alterações - com até mesmo a capital paulista recebendo o jogo de março.

Oceania na mira

Além dos seis jogos pelas Eliminatórias em 2017 – três em casa e três fora (Uruguai, Colômbia e Bolívia) –, o Brasil ainda fará quatro amistosos no próximo ano. Serão dois jogos em junho, na janela da Fifa para a Copa das Confederações, e outros dois em novembro.

Ainda que as negociações para tais jogos estejam em fase embrionária, a CBF já estuda os possíveis destinos. A ideia da Confederação é levar duas partidas para a região da Oceania - provavelmente nas datas de junho. Em novembro, diretoria e comissão técnica estudam a realização dos duelos na Rússia – palco do Mundial de 2018. Uma troca nas datas, no entanto, não está descartada, dependendo ainda das situações de logísticas

A CBF não comenta oficialmente as negociações. Apenas o técnico Tite falou rapidamente sobre o trabalho para 2017, ainda que sem citar os locais de jogos. "O planejamento é algo natural. Mas o Edu que está vendo isso lá do Brasil", disse o técnico, citando o coordenador de seleções que não embarcou para Lima – jogo contra o Peru – por conta de uma forte sinusite.

Pelas Eliminatórias, a seleção ainda jogará em São Paulo e em mais uma cidade: a favorita Brasília e Porto Alegre disputam a última vaga.

Marcadores:

Postar um comentário

[facebook]

MKRdezign

{facebook#https://www.facebook.com/oficialsouflamengo} {twitter#https://www.twitter.com/SiteFlaHoje} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/+FlamengoHoje} {youtube#https://www.youtube.com/create_channel}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget